Introdução ao Desenho e Pintura Digital

Você está em: Artigos > Introdução ao Desenho e Pintura Digital

Introdução ao Desenho e Pintura Digital

Olá! Caro leitor nesse breve Artigo você irá ver uma breve introdução ao desenho e pintura digital! O que será abordado neste artigo:

  • Equipamentos;
  • Programas;
  • Fundamentos;
  • Transição do tradicional para o digital;
  • Fluxos de Trabalho;
  • Recursos.

Equipamentos

Normalmente pessoas que estão iniciando na arte digital tem muitas dúvidas de qual equipamento é o ideal para estudar e trabalhar.

É muito comum o pensamento que é necessário começar com equipamentos caros como ter um MacBook um Ipad ou Cintiq, e assim se mantém um pensamento de fazer altos investimentos em computadores, notebooks, tablets ou mesas digitalizadoras de alto custo, mas na verdade não é necessário imaginar um patamar tão alto para se iniciar.

É importante saber investir em equipamentos conforme o que é possível a cada realidade.

Vou deixar uma lista de marcas que vale a pena consultar e adquirir equipamentos.

Mesas Digitalizadora

  • Wacom One – Melhor Mesa Digitalizadora para Iniciantes. 
  • Huion Inspiroy Pen – Melhor Mesa Digitalizadora Custo Benefício. 
  • Wacom CTL4100WLE0 – Melhor Mesa Digitalizadora Sem Fio.
  • Wacom Intuos  – Melhor Mesa Digitalizadora Intermediária. 
  • Wacom CTL472L –  Melhor Mesa Digitalizadora Compacta

Tablets

  • Tablet Gaomon M10K.
  • Tablet Huion Inspiroy.
  • Tablet Samsung Galaxy Tab A S Pen.
  • Tablet Samsung Tab S6 Lite.
  • Novo Apple Ipad
  • Huion Kamvas Pro 12.

Computadores / Notebooks

A escolha de computadores e notebooks é muito ampla e ficaria muito complexo criar uma lista com componentes ideias para cada tipo de equipamento, então para resumir toda lista escolha equipamentos atuais que atendam os requisitos do programa que deseja utilizar. 

Toda empresa desenvolvedora coloca as informações dos recursos necessários para rodar seus programas de forma minima e forma recomendada.

Programas

Muitos que estão iniciando na arte digital já tiveram algum contato com conteúdos sobre o assunto seja em canais no YouTube ou outros sites que abordam o assunto, e o campeão sem duvidas será o Adobe Photoshop realmente o programa é muito bom possui diversos recursos é fácil encontrar conteúdo, mas não esta acessível para todos devido seu custo e eu não recomendo usar o programa pirata pois sua experiência pode ser frustrante fora os diversos riscos que você expõe seu equipamento.

Aqui no site você pode consultar uma lista com os programas alternativos para os mais famosos programas da Adobe, só clicar no link. Lista de Programas

Fundamentos

Se você já escolheu qual programa irá utilizar, recomendo que leia o guia de usuário de qualquer programa que você instalou. Pode parecer algo desnecessário, mas garanto que você irá perder menos tempo para se adaptar e utilizar as ferramentas de forma eficaz.

  • Aprenda a criar um documento e definir seu DPI, aqui no site já tem um artigo sobre DPI e PPI;
  • Aprenda a ajustar as configurações de pincéis e canetas, a maior preocupação é ajustar a pressão da caneta digitalizadora;
  • Aprenda a trabalhar com opacidade;
  • Aprenda a trabalhar com a diversidades de pinceis para que você tenha mais recursos as suas obras e composições; evite lotar seu computador com muitos pinceis isso com o tempo vai virar só acumulo de ferramentas sem uso. Caso opte por possuir muitos pinceis mantenha eles organizados para que não vire uma zona total;
  • Aprenda a trabalhar com camadas, ter uma boa organização de camadas facilita o trabalho e possíveis correções no decorrer de qualquer projeto;
  • Aprenda a trabalhar com modos de cores por exemplo:
    • Normal;
    • Multiplicado;
    • Sobreposto.
  • Aprenda a usar máscaras de edição;
  • Aprenda a utilizar os atalhos do programa, isso irá ajudar no seu fluxo de trabalho otimizando seu tempo.

É muito importante você ter conhecimento que a arte digital não foge das regras da arte tradicional então aprenda os fundamentos da arte em geral que se aplicam a todos os meios, como:

  • Composição;
  • Estrutura e Forma;
  • Iluminação e Valor;
  • Teoria da Cor;
  • Perspectiva;
  • Anatomia Humana e Animal.

Não se preocupe em desenvolver seu estilo de desenho no inicio dos estudos e da carreira, neste momento simplesmente aprenda, absorva o máximo de conteúdo possível e sempre tente replicar todo conteúdo para melhor absorção e evolução nos desenhos.

Transição do Tradicional para o Digital

É sempre recomendado que o artista inicie seus estudos no desenho tradicional para aprender a lidar com os fundamentos do desenho e a observação das coisas, onde no digital acaba gerando uma falsa ideia de que tais fundamentos não são necessários. Se você planeja já iniciar no digital não fuja dos fundamentos e aplique seus estudos diretamente, mas seguindo todo o processo do desenho tradicional.

Se você tem o costume de fazer tudo no tradicional e quer passar para o digital irei deixar algumas recomendações, trabalhe com linhas bem definidas e evite sombras na sua imagem pois isso pode distorcer algumas áreas de seu desenho. Tire uma foto com boa iluminação caso utilize um scanner não terá muitos problemas neste processo.

Para manter a mesma proporção do desenho tradicional coloque as mesmas medidas da folha no início do seu projeto.

Fluxo de Trabalho

Muitas pessoas acabam tendo dificuldade de compreender como funciona o processo digital tornando isso um pouco complexo. Então para dar uma orientação melhor criei alguns passos que podem deixar seu trabalho com melhor fluxo e prático.

  1. Planejamento – Tenha um planejamento básico do seu projeto, criar um cenário, criar um personagem, objetos como móveis, estruturas e construções;
  2. Recomendo que sempre de um nome ao seu projeto assim fica mais fácil manter a organização e o foco no projeto que está trabalhando. Se você estiver utilizando arquivos para estudo evite utilizar nomes totalmente aleatórios ou somente uma organização numérica, isso com o tempo pode ser um problema para encontrar arquivos ou conteúdo já estudado;
  3. Crie um documento já pensando nas medidas de seu projeto – Se você está sem muita ideia de um tamanho ideal para seu projeto pense em algo como o tamanho de uma folha A4 que tem as medidas de 297x210mm em pixels 2480x3507px em uma resolução de 300 DPI;
  4. Depois de passar pelo processo de criação e configuração do seu projeto, já procure organizar as camadas de seu projeto, você pode seguir um modelo básico de camadas como por exemplo:

  5. 4.1 Esboço – Camada que você pode ocultar ou excluir em processos mais avançados;

    4.2 Linha artística – Camada onde já se passa o traço definitivo do desenho;

    4.3 Pintura – Camada que trabalha somente com as pinturas das partes do desenho podendo se criar diversas subcamadas para melhor organização;

    4.4 Sombras – Camada onde se aplica o modo de cor multiplicar para criação de sombras, recomendação ao se trabalhar com sombras não utilize a cor preta isso não trará um resultado satisfatório;

    4.5 Iluminação – Camada que trabalha com multiplicação também e nesta camada que se trabalha os realces e os pontos de luz no projeto.

    Esta estrutura é totalmente genérica, mas pode ajudar muito quem está iniciando.
  1. Marca D’agua ou Assinatura, se você pretende divulgar seu trabalho ou criação própria tenha em mente de assinar o seu projeto para que de destaque como criador desse conteúdo. Evite a mania do carimbador que pega desenhos de outros criadores, redesenha e assina e carimba uma logo como se fosse o criador ou proprietário daquela obra, isso é muito amador e feio para as boas práticas da comunidade artística.

Recursos

Vou deixar algumas sugestões que podem ser muito úteis para conseguir referências e conteúdos gratuitos para acelerar a criação de seus projetos.

Os melhores Bancos de imagens 2021

Plataformas e comunidades dedicadas a artistas:

close
MailPoet Person Form

Não perca essas dicas!

Não enviamos spam! Leia nossa política de privacidade para mais detalhes.

Não perca essas dicas!

Não enviamos spam! Leia mais em nossa Política de privacidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: